Desde 2018 temos publicado um posicionamento coletivo contrário à revisão da lei da Operação Urbana Consorciada Água Branca, Projeto de Lei 397/2018, que vira e mexe entra em pauta na Câmara de Vereadores de São Paulo. Coincidentemente, novamente às vésperas de eleições o tema volta à pauta, junto com outros projetos de lei que tratam de projetos de reestruturação urbana.

Agora, o mesmo movimento, que chegou a lotar audiências públicas organizadas pelos vereadores, encontra-se em meio à pandemia de Covid-19, e por isso, escreve novamente uma Carta aberta aos vereadores e vereadoras de São Paulo, pedindo para que escutem a população e as lideranças dos bairros desta operação urbana e os conselhos de representantes da região, e retirem de pauta ou não aprovem o PL 397/18!

Conheça o conteúdo do documento aqui.

Para mais informações do que andamos falando sobre OUC Àgua Branca, veja aqui.

Fonte: Labcidade