União dos Movimentos de Moradia
– São Paulo

Tel: 11 3667-2307 - Email: ummsp@uol.com.br

Vigilia da Terra no Jd. Sao Francisco – Leste 1

Dando Inicio as mobilizações do GRITO DOS EXCLUIDOS

O Movimento de Moradia Leste 1Deu inicio a Vigilia

Ontem dia 05 de Setembro ás 23.30horas ocupou terreno localizado na Rua Bandeira de Aracanbi S/N _ Jardim São Francisco

Zona Leste de São Paulo, com cerca de 200 familias, para denunciar a falta de politica de habitação e o não cumprimento dos convenios assinados para a construção de moradia em regime de mutirão mais de 4 anos.

Hoje dia 06 de setembro as familias estarão em Assembleia convidamos a todos para participar.

Contato: Lucimara – 92009258   ou Valdeci: 93068407

São Paulo, 05 de Setembro de 2009

CARTA ABERTA

Nossa luta pela terra do Mutirão Quilombo dos Palmares, no Jd. São Francisco iniciou-se em 2003, quando a Prefeitura de São Paulo abriu o processo de licitação para selecionar entidades para construção de moradias no São Francisco. O MST Leste 1, como  outras, participou do processo e foi selecionada para construir 190 moradias em mutirão com Autogestão.

Em Abril/2004 assinamos convênio com a PMSP/COHAB para o atendimento de 190 famílias que já participavam do movimento há muito tempo. Para andamento do processo atendemos todas as exigências feito pelo convênio como certidões, projetos, etc.

Cumprida essa etapa, solicitamos junto à COHAB a liberação da verba de canteiro de obra e, depois de várias reuniões sem sucesso, foi dito para o movimento que havia algumas dificuldades, entre elas área de depósito de lixo, solo contaminado, troca de entidade, que seriam solucionadas pela administração municipal.

Seguimos com a organização das famílias que até hoje se reúnem mensalmente. São 6 anos de luta e organização pela conquista da moradia. No entanto, os órgãos da administração municipal não solucionaram os problemas e, ainda mais, tem implantado outros projetos na região e não cumprem o convênio assinado. Sequer tem atendido o Movimento para negociação desse impasse.

Portanto, diante dessa situação, estamos na rua, para exigir da Prefeitura de São Paulo:

– Atendimento das 190 famílias do movimento no São Francisco, em programa Habitacional;

– Atendimento de 100 famílias na área do Jardim São Roberto;

– Conclusão dos mutirões em andamento;

– Retomada do Programa de Mutirão em autogestão na Cidade.

 

Movimento dos Trabalhadores Sem Terra Leste 1